Tudo o que é grande fascina, mas não define nossas decisões

Artigo de Alex César - 07 de fevereiro de 2021
906

O ser humano é fascinado por tudo que é grandioso. Haja vista quando retorna de viagem da Disney, Beto Carreiro World ou Parque Nacional Yellowstone — este último onde está concentrada uma das áreas vulcânicas mais quentes do planeta.

Coisas grandiosas são capazes de atrair a maioria das pessoas com facilidade. Com base nisso, o Diabo levou Jesus a um lugar alto, e ali mostrou-lhe panoramicamente todos os reinos do mundo, numa tentativa de conseguir sua adoração. É lógico que Jesus não caiu nessa. (Lucas 4:5-8)

Nessa perspectiva de coisas grandiosas, acontecimentos milagrosos também ofuscam nossos olhos. Porém, talvez o maior milagre experimentado pelo povo hebreu, conforme os relatos bíblicos, não tenha sido a travessia do mar vermelho ou a passagem em terra pelo rio Jordão, embora sejam eventos grandiosos. O mais tremendo, talvez, tenha sido o retorno à terra natal, após vários episódios de escravidão. Afinal, era impossível um povo retornar ao seu lar após ter sido feito escravo. “O que é impossível ao homem é possível a Deus” (Lucas 18:27).

Símbolos, valores e tradições são partes integrantes de uma cultura e há algo grandioso nisso: a perpetuação. Só o fato de transmitir às gerações seguintes já poderia ser considerado um grande ‘milagre’, uma vez que os ataques para destruir princípios têm sido cada vez mais intensos.

Quando o reality show Big Brother Brasil (BBB) apresenta seus dramas e tramas, vividos por ‘personagens’ das diversas camadas da sociedade, o plano de fundo é a quebra da cultura estabelecida, a banalização e a experimentação ideológica. Podemos ver ‘personagens’ vivendo a quebra dos paradigmas, para que depois os de mente mais fraca possam reproduzir.

Precisamos agregar ao máximo o conhecimento de Deus para não sermos roubados dos nossos valores, assim como Jesus, que apresentou ao Diabo somente a Palavra que conhecia, para não ceder às provocações e tentativas de roubo daquilo que cria e valorizava.

Grandiosos acontecimentos não devem nos impressionar, pois temos a Palavra da verdade, que habita ricamente em nosso coração (Colossenses 3:16), para nos fortalecer diante das forças do mal, e não nos permitir trocar a benção de Deus por um ‘prato de lentilhas’ (Genesis 25:29,30), como fez Esaú.

O Diabo quis fazer parecer que os reinos do mundo eram mais grandiosos que a Adoração que Jesus oferecia a Deus. Mas foi surpreendido pela prontidão das palavras de Jesus!

“Jesus respondeu: ‘Está escrito: ‘Adore o Senhor, o seu Deus, e só a ele preste culto’”. (Lucas 4:8)


906
FONTE: Conexão Politica por Alex César


PRINCIPAIS NOTÍCIAS


24 dias

Deixem vir as crianças!

Conexão Politica
7 meses

Sudão revoga lei de apostasia

Conexão Politica
1 ano

A hipocrisia do MBL

Conexão Politica
1 ano

Quer um Conselho?

Conexão Politica
1 ano

O que é a CPI Lava Toga?

Renova Mídia
2 anos

Caminhando por Goiás

Conexão Politica

FULNATION - A Verdade é o nosso compromisso! ©