Boris Johnson diz que não pedirá outro adiamento do Brexit

Artigo de Tarciso Morais - 10 de setembro de 2019
1.0K

Apesar de o Parlamento britânico ter aprovado uma lei que pode forçá-lo a adiar o Brexit, Johnson disse que não vai “pedir outro adiamento”.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, garantiu, nesta segunda-feira (9), que não pedirá “outro adiamento” do Brexit.

Johnson acrescentou que se os deputados se opuserem a aprovar eleições gerais antecipadas, ele vai preparar o Reino Unido para deixar a União Europeia “de preferência, com um acordo, mas sem, se isso for necessário”, registra o site UOL.

No entanto, os congressistas rejeitaram, novamente, a possibilidade de convocar eleições gerais antecipadas para 15 de outubro, como havia proposto o premiê do Partido Conservador.

Foram 293 votos a favor de uma nova eleição, não atingindo a maioria necessária de 434, que representam 2/3 da Câmara dos Comuns. Outros 46 parlamentares votaram contra, informa o site G1.

Uma nova eleição daria ao premiê uma chance de tentar restabelecer uma base de poder – ele perdeu a maioria parlamentar na semana passada.

Esta foi a segunda vez que Johnson tentou a aprovação de novas eleições gerais nos últimos dias. No dia 4 de setembro, ele teve um desempenho melhor, com 298 votos a favor.


1.0K
FONTE: Renova Mídia por Tarciso Morais


PRINCIPAIS NOTÍCIAS


2 anos

Bruce Dickinson defende o Brexit

Conexão Politica
2 anos

O que é a CPI Lava Toga?

Renova Mídia
2 anos

O que é Spoiler?

Renova Mídia

FULNATION - A Verdade é o nosso compromisso! ©